Tecnologia do Blogger.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Atribuições Básicas da função de Agente de Segurança Penitenciária da Secretaria de Administração Penitenciária do Estado de São Paulo - SAP/SP - 2014/2015

São atribuições básicas do Agente de Segurança Penitenciária desempenhar atividades de vigilância, manutenção da segurança, disciplina e movimentação dos presos internos em Unidades do Sistema Prisional.

A descrição detalhada das atividades a exercer são:

- registrar a inclusão de presos;

- orientar os presos recém-chegados, explicando-lhes o uso das celas e dos diversos utensílios, bem como as disposições regulamentares da Unidade;

- recolher os presos, escoltando-os até as celas e trancando-os com chaves de segurança;

- fazer a chamada dos presos, para constatar possíveis faltas e providenciar as medidas que se fizerem necessárias;

- abrir e fechar as portas das celas, utilizando chaves de segurança para liberar os presos para o cumprimento dos deveres na Instituição e atendimento de determinação superior;

- vigiar e acompanhar os presos nas celas, no trabalho, nos exercícios físicos, na hora das refeições, nas visitas a médicos, dentistas, psicólogos, observando atentamente seu comportamento a fim de evitar rebeliões, agressões, fugas e outras infrações disciplinares;

- examinar as permissões para entrada e saída de pessoas estranhas, observando, rigorosamente, os critérios adotados pela Unidade para verificação da autenticidade das mesmas;

- efetuar revistas pessoais nos visitantes dos presos e demais pessoas que adentram na Unidade, bem como nos objetos e pertences para apreender os que forem proibidos ou suspeitos;

- revistar e registrar a entrada e saída de viaturas, para impedir a transgressão das normas fixadas pela Unidade;

- realizar revistas nas dependências interiores dos Estabelecimentos para fiscalização e apreensão de objetos proibidos pelo regulamento interno;

- tomar providências quando do surgimento de desafetos entre presos recolhendo-os às celas disciplinares;

- comunicar os casos de incêndio, desordem, tentativa de fuga, evasão e quaisquer ocorrências que caracterizem infração disciplinar ou irregularidade, frente às normas do Estabelecimento;

- observar a movimentação dos presos internos em unidades do sistema prisional; e

- realizar outras atividades correlatas.



Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Apostilas e Concursos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo